Anuncie Aqui 2
Caravana

Governo por Todo o Pará chega ao Marajó anunciando investimentos

O município de Breves, na região do Marajó, sediou, na manhã desta quinta-feira (8), o Ato de Instalação da terceira edição do programa Governo Por Todo o Pará.

09/08/2019 10h28
Por: Karina Pinto
Fonte: Agência Pará
146
Fotos: Maycon Nunes/Ag Pará
Fotos: Maycon Nunes/Ag Pará

O município de Breves, na região do Marajó, sediou, na manhã desta quinta-feira (8), o Ato de Instalação da terceira edição do programa Governo Por Todo o Pará. A cerimônia ocorreu no auditório do Centro de Educação Profissional (Cedep) e contou com a presença do governador Helder Barbalho e de seu vice, Lúcio Vale; do prefeito de Breves, Antônio Augusto; secretários e deputados estaduais, vereadores, prefeitos e vices-prefeitos, além de lideranças comunitárias de diversas cidades do arquipélago. Na ocasião, o chefe do Executivo estadual anunciou uma série de medidas que irão beneficiar a população marajoara. A iniciativa transfere, por três dias, a administração estadual para as diferentes regiões do Pará, com o objetivo de aproximar os municípios da gestão estadual e anunciar obras importantes para cada município. O primeiro ato de Helder Barbalho foi nomear José Antônio Azevedo Leão, conhecido como “Xarão Leão”, para assumir o cargo de secretário regional de Governo do Marajó. Xarão, que é nascido em Breves, estará em contato direto com a população para ouvir as demandas da região e repassar ao governador.

Em seu primeiro discurso, durante a implantação do programa na cidade, Helder Barbalho ressaltou que "o momento de instalação do governo itinerante é de extrema importância. Que nesses três dias nós possamos debater e discutir sobre assuntos fundamentais para o desenvolvimento da região do Marajó. Quero agradecer a todos, pois nós só conseguiremos dar seguimento a esta jornada se Executivo, Legislativo e Judiciário estiverem juntos, unidos, e é isso que vemos hoje aqui”, pontuou.

Além disso, o governador anunciou a liberação de 20 km de pavimentação na PA-159 e a doação de três ônibus para serem usados pelos produtores rurais, para que possam trazer seus produtos para o centro da cidade. O chefe do Executivo estadual também informou que já na próxima semana começa a instalação da Base Fluvial de segurança pública no distrito de Antônio Lemos, em Breves, que tem a finalidade de monitorar os rios da região de forma estratégica, para prevenir o crime contra ribeirinhos, pescadores, inibir tráfico humano, exploração sexual e infantil.

Para o procurador do Ministério Público do Estado (MPE), Manoel Santino, é importante que o governo, juntamente com as instituições, volte seu olhar para o Marajó. "Além da presença do governador e do secretariado, a Alepa e outros órgãos estão aqui presentes. O Ministério Público cobre toda essa região do Marajó e vem justamente ao encontro daquilo que o governador solicita, um olhar diferenciado a essa parte do Pará que precisa se desenvolver em conjunto com as demais regiões”, destacou

CPH – Ainda durante a solenidade, foram assinadas as ordens de serviço para a elaboração de projetos básicos e executivos de reforma e adequação dos terminais hidroviários de passageiros e cargas em 10 municípios. Participaram da assinatura o governador, o presidente da Companhia de Portos e Hidrovias do Estado do Pará (CPH), Abraão Benassuly Neto, e os prefeitos destas cidades.

O investimento, no valor de R$ 738.615,05, beneficia os municípios de Breves, Santa Cruz do Arari, Melgaço e Soure. Já o valor de R$ 482 mil é destinado aos municípios de Afuá, Anajás, Bagre, Cachoeira do Arari, Chaves e Portel.  

Assistência Rural – Na sequência, o governador Helder Barbalho, acompanhado da presidente da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado (Emater), Cleide Amorim, assinou um acordo de cooperação técnica para prestação de serviços de assistência técnica rural aos municípios de Breves, Bagre e Melgaço.

A assinatura de crédito rural para investimentos em manejo do açaí, mandioca e eneria solar, no valor de R$ 2,8 milhões, sendo R$ 2,5 desse total somente para o açaí, com recursos do Banco da Amazônia, beneficia aproximadamente 100 produtores. Em segiunda, o chefe do Executivo estadual e a titular da pasta entregaram 200 Cadastros Ambientais Rurais (CAR) para agricultores da região do Marajó.

"O crédito vai ajudar no desenvolvimento do meu trabalho. A gente já tem o começo, mas vai ajudar a ampliar mais, para poder ter uma renda melhor para a gente. Também pode ajudar de outras maneiras, como na produção da roça, porque a gente tem cria, galinha. Não esperava receber das mãos do governador. Eu me sinto feliz por poder receber esse benefício aqui no meu município, especialmente porque eu não esperava ser chamado para receber. A gente vem batalhando há um tempão, mas agora foi possível", declarou, emocionado, Jardel do Nascimento Barros, produtor rural. 

Moradia – Dando continuidade, Helder Barbalho, junto com o titular da Companhia de Habitação do Estado do Pará (Cohab), José Scaff Filho, fez a entrega de 11 benefícios do Cheque Moradia, no valor de R$ 71,1 mil.

Para Maria Benedita Ferreira, o Cheque Moradia chegou na hora certa. "Eu estava aguardando há cerca de um ano, pois fizeram o cadastro e pensei que nem vinha mais. Aí, um dia chegaram lá em casa e disseram que tinha sido contemplada. Passou tanto governo e nunca aconteceu isso, mas graças a Deus esse governador se lembra das pessoas que precisam. Agora a minha casa vai ficar pronta. Com os R$ 9 mil vou conseguir fazer o que falta da minha casa", disse a dona de casa.

Microcrédito – Em seguida, foram entregues 75 cheques do CredCidadão, no valor total de R$ 150 mil em microcrédito. Esse benefício tem o objetivo de incentivar a geração de trabalho e renda entre os microempreendedores com necessidades financeiras.

Transporte Fluvial – Ainda na cerimônia, a Agência de Regulação e Controle de Serviços Públicos do Estado do Pará (Arcon), por meio do presidente, Eurípedes Reis, entregou dez carteiras de meia passagem intermunicipal estudantil, que servirão para o uso no transporte fluvial intermunicipal.

Educação – Foi lançado também, durante o Ato de Instalação do governo, o programa “Vamos Alfaletrar o Marajó”, para alfabetização nos municípios da região dentro do movimento EducaPará. A iniciativa é da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), por meio da titular, Leila Freire.

Capacitação – Dando sequência, foi assinado um acordo de cooperação técnica para capacitação de servidores estaduais e municipais de Breves. Quem esteve presente junto com o governador foi a presidente da Escola de Governança do Estado do Pará (EGPA), Evanilza Marinho.

Sustentabilidade – O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), realizou também a entrega do título de "Município Verde" à cidade de São Sebastião da Boa Vista. Já o município de Breves aderiu ao Programa Municípios Verdes (PMV). A iniciativa e título mostram o compromisso das cidades em atingir metas sustentáveis estabelecidas pelo projeto estadual. 

O Estado também realizou a entrega simbólica de uma quantidade de madeira apreendida pela Semas ao município de Breves. O material explorado sem regularização deve ser utilizado na construção de escolas e pontes no Marajó. Outra entrega importante foi feita a produtores do município, que receberam o título de legalizados após obterem a licença ambiental necessária para a exploração da madeira utilizada na produção de cabos de vassoura. Com isso, pequenos produtores agora podem gerar mais renda no arquipélago.

Governo Por Todo o Pará – O programa chega a sua terceira edição, desta vez passando por sete cidades do Marajó. A primeira ocorreu no Oeste do Pará, entre os dias de 20 e 23 de março, com sede instalada em Santarém. A segunda foi na região sudeste do estado, em Marabá, com programação realizada do dia 2 ao dia 7 de março.

A Região de Integração (RI) Marajó é composta por 17 municípios: Afuá, Anajás, Bagre, Breves, Cachoeira do Arari, Chaves, Curralinho, Gurupá, Melgaço, Muaná, Ponta de Pedras, Portel, Salvaterra, Santa Cruz do Arari, Oeiras do Pará, São Sebastião da Boa Vista e Soure.

O Marajó abrange uma área total de pouco mais de 104 mil quilômetros quadrados, o que representa 8% da área territorial do Pará. A população da RI, em 2014, foi estimada em 525 mil habitantes, correspondendo a 6,5% do total do Estado.

Dentre os principais atrativos, destacam-se as paisagens naturais com seus campos alagados, belas praias, rios piscosos (grande quantidade de peixes), rica fauna, trilhas ecológicas e fazendas centenárias de criação de búfalos. A cultura diversificada está presente nos grupos folclóricos, culinária típica, artesanato marajoara, arquitetura antiga e ruínas históricas. Essas características conferem ao arquipélago alternativas inesgotáveis na área do turismo. O Marajó é um dos mais importantes santuários ecológicos do planeta e, por essa razão, foi transformado em Área de Proteção Ambiental (APA).

Fazem parte da comitiva, além do governador do Estado e do vice-governador; a primeira dama do estado, Daniela Barbalho; o presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Pará, Dr. Daniel Santos; os deputados estaduais Luth Rebelo, Igor Normando, Jacques Neves, Delegado Caveira, Delegado Nilton Neves, Fábio Figueiras, Thiago Araújo, Vitor Dias, Martinho Carmona, Renilce Nicodemos e Gustavo Seffer; e diversos secretários estaduais; prefeitos e vereadores. 

 

  • Governo por Todo o Pará chega ao Marajó anunciando investimentos
  • Governo por Todo o Pará chega ao Marajó anunciando investimentos
  • Governo por Todo o Pará chega ao Marajó anunciando investimentos
Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários