Sexta, 19 de Julho de 2024
21°C 35°C
Altamira, PA
Publicidade

Belo Monte gerou em 2024 energia renovável suficiente para abastecer as residências de Norte, Centro-Oeste e Rio de Janeiro

Apesar dos efeitos do El Niño na região Norte, a hidrelétrica produziu no primeiro semestre 6% do total da energia usada no Brasil, equivalente ao consumo de 20 milhões de domicílios

10/07/2024 às 14h26
Por: Redação Xingu230 Fonte: Norte Energia
Compartilhe:
Crédito: Particular Filmes
Crédito: Particular Filmes

Belo Monte é a hidrelétrica que mais gerou energia renovável e limpa para o Brasil no primeiro semestre de 2024, apesar dos efeitos do El Niño, que reduziu as chuvas na região Norte. A Usina produziu 6% (20.414 GWh) de toda a energia utilizada no país, o equivalente ao consumo de 20 milhões de residências. Essa quantidade gerada por Belo Monte entre janeiro e junho deste ano é suficiente para abastecer todos os domicílios das regiões Norte e Centro-Oeste e mais o estado do Rio de Janeiro, durante o mesmo período.  

O cálculo sobre as moradias dos 26 estados e o Distrito Federal tem como base os dados divulgados pela Empresa de Pesquisa Energética no Anuário Estatístico de Energia Elétrica 2024. A mesma quantidade de energia também seria suficiente para abastecer todo o Sistema Interligado Nacional (SIN) por aproximadamente 11 dias.  O SIN é a rede que se estende por grande parte do Brasil, englobando sistemas de geração e a malha de transmissão de energia elétrica. 

"Está no centro do debate atual a importância das fontes de energia renováveis e limpas para alimentar os grandes centros urbanos, impulsionar a economia e assegurar o funcionamento dos serviços públicos essenciais sem prejudicar o meio ambiente. E a energia produzida por Belo Monte vem garantindo essa segurança energética que o Brasil precisa. Além disso, Belo Monte segue atuando com responsividade e rapidez no atendimento da demanda, sobretudo em dias de pico de consumo nacional”, disse Paulo Roberto Pinto, presidente da Norte Energia, concessionária da Usina Hidrelétrica Belo Monte. 

Na noite de 15 de março de 2024, por exemplo, devido a menor produção das fontes intermitentes, a geração de Belo Monte chegou a 11.000 MW, 12% da carga nacional consumida naquele período, equivalente ao atendimento de 60 milhões de pessoas. Em 12 de janeiro, entre 19h30 e 21h40, a usina produziu 4.278 MW e segurou a demanda durante pico de consumo do país. Para gerar o mesmo montante de energia por meio de fontes não renováveis, seria emitida cerca de 1,26 tonelada de gás carbônico na atmosfera. 

Em 2023, a produção de Belo Monte durante o primeiro semestre foi de 9,4% (29.125 GWh) de toda a energia usada no país, o equivalente ao consumo de 30 milhões de residências. Na ocasião ainda não eram sentidos os efeitos do El Niño, que começou em junho de 2023 e teve seu pico em dezembro de 2023 e janeiro de 2024. 

Belo Monte é essencial para segurança energética nacional

A Usina Hidrelétrica Belo Monte atinge seu potencial de geração conforme o volume de água que passa em suas turbinas – especialmente durante o período úmido da Amazônia, contribuindo para a segurança energética do Brasil enquanto outros reservatórios do país enfrentam o período seco. Enquanto Belo Monte gera o máximo, injetando energia no SIN, os reservatórios das demais bacias armazenam água, ou seja, guardam energia para atender ao mercado nacional durante o período seco. 

Um estudo conduzido pelo Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia (COPPE) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) concluiu que Belo Monte é a hidrelétrica que menos emite no bioma Amazônia, sendo a quinta usina mais eficiente do Brasil em termos de taxa de intensidade de gases poluentes e avalia que, entre 5 e 10 anos, a área alagada do empreendimento apresente progressivamente emissões ainda menores.  

A capacidade instalada do Complexo Hidrelétrico Belo Monte é de 11.233,1 MW e a quantidade média de geração de energia é de 4.571 MW. O Complexo Hidrelétrico Belo Monte corresponde a 5% da matriz elétrica brasileira, 10% da capacidade de geração hidráulica da referida matriz e se firma como a maior hidrelétrica 100% brasileira.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Altamira - PA
Sobre o município
Altamira é um município brasileiro localizado no estado do Pará. Foi fundado em 1750 e emancipado em 6 de novembro de 1911. Possui uma área total de 159 533,328 km² e sua população, estimada pelo IBGE em 2020, era de 115 969 habitantes.
Ver notícias
Altamira, PA
21°
Tempo limpo

Mín. 21° Máx. 35°

21° Sensação
0.11km/h Vento
72% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h36 Nascer do sol
06h33 Pôr do sol
Sáb 34° 21°
Dom 34° 21°
Seg 34° 21°
Ter 36° 21°
Qua 34° 21°
Atualizado às 04h01
Economia
Dólar
R$ 5,54 -0,08%
Euro
R$ 6,04 -0,08%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,71%
Bitcoin
R$ 375,624,35 +0,14%
Ibovespa
127,652,06 pts -1.39%